distrito 9 / duplicidade

Distrito 9 (District 9, 2009, dir.: Neill Blomkamp) starstarstar
Ganha por ser tão viral mas não muito panfletário. Consegue jogar para tela uma série de denúncias ao mesmo tempo sem transbordar e ao mesmo tempo faz um bom filme de ficção. O melhor? A nave sempre lá atrás, de fundo, uma sombra. Talvez a canastrice de migrar de suas “cenas documentais” diretamente para uma cena completamente ficcional, mas algumas vezes isso vem bem pouco orgânico.

Duplicidade (Duplicity, 2009, dir.: Tony Gilroy) starstarstar
Gosto bastante de “Michael Clayton” e esse talvez tenha sido o único motivo de ter visto um filme que parecia mais do mesmo. E é, mas um bom mais do mesmo, um filme de espionagem bastante divertido e nada mais. Tony Gillroy deixa sua marca passional dos filmes clássicos em vários pontos, e gosto de alguns momentos de sofisticação em meio a tanta repetição, como a cena em que Clive Owen verifica suas calvícies no reflexo da janela.

Anúncios

Uma resposta para “distrito 9 / duplicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s